Seja você a mudança que quer ver no mundo – Mahatma Ghandi

Tudo é uma questão de mudar. Aquela história de se reinventar, tem que ser todo dia. Olhar o dia diferente a cada dia, olhar as coisas sobre diferentes pontos de vista. Sábado a Carol tinha algo pra contar sobre a briga e recém “pazes” dos meninos, mas tinha que ser pessoalmente. Achei que ia ser “A” fofoca. Mas na verdade ela estava com medo desse meu estado meio fragilizado ao me contar q o Jú estava desconfiado q eu tinha feito umas coisas aí pra provocar ele. Claro que a madre Tereza aqui não fez nada além de intervir na briga sempre lutando pelos fracos e oprimidos. Eu lembro bem do dia que rolou a confusão, eu cheguei mais cedo e me jogaram num chat. Começaram: não vamos mais falar no assunto, não vamos mais. E logo veio um: mas temos que contar pra ela, ela tem que saber e nos ouvir. E contaram. E eu não achei nada, não falei nada, realmente, nada. E eles disseram que eu era a psicóloga deles e por isso tinha que ficar sabendo, só ouvir já bastava. Hahaha.

Mas então, eu fiz as pazes com o Jú. Bom, aparentemente fizemos. Passamos o dia de ontem trocando emails como antigamente. Até planejamos um chat para ontem. Mas nem entrei na net, eu cheguei em casa e só tive vontade de chorar e dormir.

Acho que vou procurar um médico mesmo. Por via das dúvidas.

Agora o mais engraçado é que eu ouço o Gu dizendo pra mim: “vc está assim só pra chamar a atenção??”. E eu pensei direito. Estou. Pois estava. Que se foda. Estou voltando com o espírito de antes, aquele da amizade descompromissada. Foi assim que eu conheci as grandes pessoas que hoje são minhas amigas. Eu elogiei um blog. Eu comentei um filme com um personagem. Eu me revelei fã de uma série. Eu me propus a ajudar a chegar num lugar. Foi assim que conheci as pessoas que hoje são meus melhores amigos, indo atrás deles apenas por ir, deixando um recado por deixar.

De resto, o trabalho está sossegado, graças a Deus!

E domingo a moça lá da igreja já reparou que eu estou afastada por causa de briguinha da época da primeira eucaristia.

Uma coisa é certa, não vou gastar minhas energias com o que não pode ser mudado. Ao invés de reclamar da chuva, eu vou comprar um guarda chuva. Ao invés de reclamar do sol, eu vou comprar um chapéu. E é isso.

Ah, não, tem mais! Recebi um convite pra colaborar de novo no site do jú. Ele disse que meus fãs estão pedindo por isso. Hahaha.

E ninguém me convence que o Mestre Chang é meu fã, já que a comunidade relacionada no orkut dele é da mulher hulk. Poxa, Mulher Hulk???

About these ads

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s