Wolverine, muito prazer

Eu fui uma criança muito afortunada. Quando eu tinha uns 5 anos meu vizinho era um adolescente ruivo cheio de espinhas e sardas na cara. Ele era “deus”. Ele deveria ter uns 15 anos aproximadamente, mas pra mim ele tinha milhões de anos em sabedoria. Estranhamente, enquanto escrevo esse texto, percebo que não fui apaixonada por ele. O que seria natural, afinal, eu era uma linda garotinha de cabelo “tigelinha” com a mania de chupar o lábio inferior, e ele, o meu esteriótipo de homem ideal: nerd.
Ele lia revistinhas em quadrinhos dos Xmen e gostava de desenhar. Ele vivia desenhando ora mulheres nuas ora super heróis. E havia um super herói com cara de bravo, extremamente musculoso e com garras de adamantium. Aquele desenho se destacou na minha memória pra sempre. E também um de uma girafa derretendo, mas esse era de Dali.
Aprendi a ler com gibis dos Xmen. E Wolverine foi pra sempre meu herói favorito até eu conhecer o Batman, com quem ele divide o pódio da minha preferencia.

Hoje fui almoçar naquela rede de fast food, sabem né? O brinquedinho de brinde do mês são os “Vingadores: Homem de Ferro, Hulk, Wolverine e Coisa”. Cada um monta a equipe que quer né? Eu não colocaria o Coisa e o Hulk na mesma equipe, trocaria o Coisa pelo Homem Aranha. Mas escalar uma equipe de heróis é como escalar um time de futebol, então não vamos discutir isso.
Aí pedi o lanche que vem com o brinquedinho, obviamente.
– Qual o brinquedo?
– O Wolverine!
– Qual é o Wolverine? Qual é o Wolverine? – A atendente perguntava pro ar e ninguém respondia. Aí eu intervi:
– O amarelo.
Então ela me entregou o Coisa. Pera-lá minha gente, não saber quem é o Wolverine já era imperdoável, mas a menina era daltônica também??
– O de cima, mocinha, o brinquedo de CIMA!
Minha amiga escolheu a Hello Kitty de carimbo. Bu-ni-ti-nha!
Mas a conversa da mesa foi exclusivamente sobre super heróis, afinal, haviam mais dois meninos conosco. E um também coleciona super heróis! Eu só tenho esses baratinhos dessa rede de fast food. Mas confesso que eu queria mesmo era que saísse a Batgirl, a Mulher Maravilha, a Elektra, a Jean Grey, como brinquedinhos de brinde. Eles deviam pensar em meninas como eu, que cresceram ao lado de garotos ruivos e gibis. E que sabem que o uniforme do Wolverine é amarelo. O Coisa é laranja. 😉

Anúncios

4 comentários sobre “Wolverine, muito prazer

  1. Muito legal! =)
    Adoro o Wolverine, mas minha infância remonta à Mulher Maravilha e à BatGirl, deve ser por isso que sou bibliotecária hehehe a BatGirl era em Gothan.

    Beijos!

    Curtir

  2. Oiee!
    “e ele, o meu esteriótipo de homem ideal: nerd” –> Adorei!!! Eu namoro um assim ;D
    E como assim, confundir Wolverine com o Coisa, nada a ver…
    Beijos

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s