Mein Kampf

Confesso que eu mesma já busquei esse livro e quis lê-lo. Queria saber que idéias estão lá expostas, capazes de transformar um gênio no mal em pessoa. Porque Hitler foi um gênio sim, desculpem-me quem acha que só porque ele usou seus dons para o mal, suas qualidades não podem ser elencadas.
Comunicador, com poder de convencimento, estrategista, entusiasta, transformador. É assim que eu vejo Hitler. Que mudou para sempre a história da humanidade.
Por isso quis tanto saber que idéias Mein Kampf traz, para entender como uma pessoa tão extraordinária pode direcionar todas as suas forças para exterminar pessoas sem dó alguma.

A obra caiu em domínio público em janeiro, e está saindo na Alemanha uma versão comentada por historiadores. Quero muito ler essa versão, com detalhes da vida e da história, que possam “justificar o injustificável” ou nos situar sobre as motivações das decisões de Hitler.

Há alguns anos assisti a um documentário que mostrava um vídeo que era exibido no alistamento nazista e é inacreditável a quantidade de pessoas que aderiram ao movimento. São centenas de jovens que alimentavam-se de palavras de esperança e de ordem para mudar o mundo, um convite a participar do movimento. Tentei buscar aqui o nome do documentário mas não encontrei.

Enfim, meu medo é que a história esteja se repetindo. Com um livro dando idéias, um movimento convidando jovens com palavras de ordem e de esperança. Querendo mudar o mundo e a história. De uma forma ruim, novamente, infelizmente.

Tem notícia sobre o Mein Kampf aqui.

Anúncios

Um comentário sobre “Mein Kampf

  1. Eu gostei muito dessa sua publicação.
    Eu tenho uma fixação pela Segunda Guerra; é como se eu precisasse entender o que levou àquele confronto tão absurdo.
    Não dá para colocar toda a culpa em Hitler. Houve uma situação que propiciou que ele crescesse e fosse escutado.
    E, concordo com você em que parece que o mundo está caminhando para outra situação semelhante. Entender o passado é a única coisa que pode nos ajudar a evitar problemas futuros. Sinto uma desestabilização que vem dominando. Crescimento de intolerância, ódio, violência. Não dá para querer fechar os olhos e dizer que não é com a gente.
    Um beijo!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s