Resenha: O último poema

Uma mulher sozinha, na sombra de uma árvore, onde folhas – de correspondências – voam. Passam, dançam, vão embora. É assim que começa o filme “O último poema” que conta a história de Helena Maria Balbinot, uma professora do sul, e sua troca de correspondências com Carlos Drummond de Andrade.
Entre imagens poéticas, depoimentos e leitura de trechos da poesia de Drummond, vamos conhecendo essa história simples e bonita sobre uma amizade que durou muitos anos.
Tudo começou quando uma professora disse que a poesia de Drummond era passageira, que poetisa mesmo era Cecília Meireles. Inconformada, por ser fã, Helena pegou uma caneta e papel e mandou uma cartinha para Drummond. Desde então, passaram a corresponder-se.
O teor das correspondências pelos anos era um misto de cotidiano e poesia, nada além disso, como ela deixa bem claro.
Apesar da história, muito sucinta, o filme é um deleite. Imagens que parecem quadros, poesia em movimento, muitas cartas e palavras projetadas em lençóis esvoaçantes. Tudo muito lúdico.
O ator escolhido para representar Drummond, ficou idêntico.
De uma sensibilidade muito grande, uma das cenas finais mostra Helena sentada no banco onde está a estátua de Drummond. Não ficou muito claro, mas aparentemente, nunca se viram pessoalmente.

“Na volta da esperança
um princípio de vida:
ser outra vez criança
por toda, toda vida.”

Carlos Drummond de Andrade in “Poesia Errante”

“A irmã Justina disse certa vez: ‘poderá aqui, no futuro, ter uma escritora ou poetisa’. Envermelhei. Abaixei a cabeça por ter pensado: acho que eu sou poetisa”

Anúncios

Um comentário sobre “Resenha: O último poema

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s